Foto: Reprodução
Quinta, 28 de fevereiro de 2019 - 10:48:28
Guaidó chega ao Brasil para se reunir com Bolsonaro
INTERNACIONAL
Deputado opositor a Maduro se autoproclamou presidente

O autoproclamado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, chegou nesta quinta-feira (28) em Brasília para participar de uma reunião com o chefe de Estado brasileiro, Jair Bolsonaro.

+ Reação de Israel a protestos em Gaza pode constituir crime de guerra

O encontro entre os dois líderes está previsto para acontecer às 14h (horário local) de hoje. Vindo de Bogotá, na Colômbia, o avião do líder opositor ao regime de Nicolás Maduro aterrissou às 1h40 da madrugada no aeroporto Internacional de Brasília. Ontem (27), o porta-voz da presidência da República, Otávio Rêgo Barros, afirmou que a reunião será realizada no gabinete de Bolsonaro, no Palácio do Planalto, e classificou a visita como "pessoal".

A recepção oficial vai ser feita pelo ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, no Palácio do Itamaraty, onde o presidente da Assembleia Nacional da Venezuela deve fazer um pronunciamento à imprensa.

De acordo com a embaixadora encarregada por Guaidó no Brasil, María Teresa Belandria, ele ainda participará de reuniões com representantes diplomáticos de outras nações que possuem embaixada em Brasília e o reconhecem como presidente. Além disso, a expectativa é de que Guaidó encontre alguns refugiados venezuelanos e ainda visite Pacaraima (RR), na fronteira com a Venezuela, informou a "Globo News".

O Brasil, assim como mais de 50 países, incluindo os Estados Unidos e o Grupo de Lima, não reconhece a legitimidade de Maduro como presidente da Venezuela. Guaidó se autodeclarou presidente em meio a uma crise política e humanitária no país latino.

O opositor tem o objetivo de agradecer ao governo brasileiro pela tentativa de enviar ajuda humanitária aos venezuelanos no último sábado, além de debater uma possível transição de poder e seu retorno à Venezuela - pois está impedido pelo líder chavista de voltar ao país.

Texto/Fonte: